Eu bebo cerveja de churrasco

abril 26, 2013 · Posted in Cerveja · Comment 

Há duas formas de beber cerveja. Uma é bebendo muito, e a outra é bebendo pouco. Há um terreno cinza aí, mas que não fica claro. Se um grupo bebe 1 ou 2 garrafas de cerveja, o outro mede seu consumo em dúzias de latas.

Para uns, cerveja é para ser consumida junto com um bom churrasco em que se sai bêbado e faminto. Para outros, o churrasco precisa harmonizar com a cerveja. E ai da carne que não combinar com aquela belgian pale ale de R$ 20 a garrafa.

Churrascabilidade???

churrascabilidade

A orientação por volume deu origem a várias cervejas suaves no mercado brasileiro. Algumas são churrascáveis demais, praticamente sem sabor de cerveja. Outros com um resquício saudável de como uma bebida séria deveria se portar. E é claro, há a questão de gosto. Tem gente que gosta de Skol, outros de Schin e os gaúchos de uma cerveja que dizem só se encontra por lá. Gauchismos…

A parte mais infeliz das cervejas grandes é que são produzidas em várias fábricas e com isso o sabor varia de região para região. Baianos juram que a sua Skol é melhor do que a dos gaúchos. Já os cariocas insistem que sua Itaipava é melhor do que a produzida em outros locais.

churrasco latinha de cerveja

Alguns atribuem esta diferença à água. Até pode ser, se modificar a água não fosse tão fácil e barato. Milhares de estações de tratamento de efluentes estão aí para comprovar isto.

Cá entre nós, a produção de cerveja em escala industrial é um processo muito complexo e é natural que fatores mínimos influenciem o resultado final. Qualidade da água, clima no local, time preferido do mestre cervejeiro, etc.

Sua cerveja gelada sempre

Torça para que sua Itaipava seja aquela fabricada no Rio de Janeiro e que você possa mantê-la gelada durante o churrasco usando o balde de gelo em alumínio da loira, que está com 50% de desconto.

Balde-de-Gelo-da-Itaipava

Compre agora o Balde de Gelo da Itaipava por R$ 59,50